Troubleshooting SQL Server como um Microsoft Support Engineer

Olá, me chamo Bruna Zamataro e fui convidada pelo Erick para participar do blog.

Atualmente trabalho como DBA de SQL SERVER e também já trabalhei por alguns meses como Support Engineer atendendo clientes Microsoft.

Minha ideia para os próximos posts é compartilhar como é feito o troubleshooting por um SQL Server Support Engineer da Microsoft, ou seja, como eles entendem os problemas e quais as perguntas a serem feitas, como realizar a análise e troubleshooting de casos e quais as ferramentas que podem ajudar nesse processo.

Para esse primeiro post gostaria de começar com o que você precisa saber antes de abrir um chamado para a Microsoft.

Primeiramente, entenda o seu problema para que você possa explicá-lo!

Sim, parece óbvio mas muitos clientes mal sabem explicar o que aconteceu e querem que o SE entenda.

Trabalhe! Veja todos os logs possíveis: do SQL Server, de Sistema, de Aplicação, verifique se não existe um padrão, por exemplo o seu acesso negado acontece logo após que o filtro do antivírus é carregado, isso não é coincidência meu caro.

Verifique se você possui os últimos Cumulative Updates, muito provavelmente se o seu ambiente estiver desatualizado o primeiro Plano de Ação vai ser atualizá-lo.

ANTIVÍRUS – OH MY GOOD WHYYY – Essa coisinha aqui é a raíz de muitos problemas – acesso negado e performance.

Para ter um servidor de SQL Server com antivírus você deve se atentar à algumas exclusões que devem ser feitas nas tarefas de scan do antivírus para que ele não impacte diretamente na disponibilidade do seu serviço. Algumas dessas exclusões incluem arquivos de backup e Data Files do SQL Server.

Artigo Oficial com todas as exclusões ideais: https://support.microsoft.com/en-us/help/309422/choosing-antivirus-software-for-computers-that-run-sql-server

Por experiência própria, muita coisa se soluciona removendo o antivírus quando se fala em produtos Microsoft. E quando eu digo remover é realmente desinstalar ele e não apenas desativar.

O que acontece é que o antivírus possui filtros que rodam a nível de sistema, filtrando todo acesso à arquivos. Você pode constatar isso executando o comando fltmc no command prompt:

 

Fazendo uma rápida pesquisa já podemos ver que esses são realmente filtros de antivírus. No meu caso Mcafee.

Caso você tenha realizado uma desinstalação do AV e continua tendo o mesmo problema verifique se os filtros não permaneceram.

Caso a sua empresa ainda seja pequena ou não tenha interesse na contratação do suporte Microsoft essas dicas podem vir a calhar em algum momento.

Valeu!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: