O que é DAG?

Olá pessoal,

 

Quando pensamos em e-mail, sempre pensamos em backup e alta disponibilidade e a DAG é justamente um recurso de alta disponibilidade para as Databases, o seu funcionamento veremos a seguir.

 

Database Availability Group

 

Como falei anteriormente, a DAG é um recurso de alta disponibilidade, efetuando a cópia de Databases para outros servidores, mantendo estas passivas, aguardando ativação.

A DAG é construída com base na role de Failover Clustering, mas não utiliza todas as suas features, não sendo necessário ter um storage compartilhado e o cluster não é configurado no nível de aplicação.

 

As DAGs possuem as seguintes características:

 

  • Podemos ter até 16 servers dentro da mesma DAG.
  • Podem haver até 16 cópias da mesma database.
  • Em cada server, podemos ter até 100 cópias passivas (Mais sobre cópias passivas abaixo).
  • Sua criação foi simplificada a partir do Exchange 2010.
  • Rápida ativação da database em outro servidor.

 

Como funciona?

 

A DAG é responsável por realizar cópias passivas (cópia passiva significa que não existe tráfego dos clientes para ela) de databases em outros Mailbox Server que você tenha no ambiente, vejamos a imagem abaixo:

 

DB verdes = Ativas / DB azuis = Passivas

 

Nesta imagem temos 5 servidores, cada um com uma cópia ativa e duas cópias passivas.

O EX2 possui a DB4 como ativa, o EX3 e EX5 como passivas, para manter estas cópias passivas sincronizadas, toda vez que uma alteração é realizada na DB4 ativa, ela é copiada via rede para as outras duas cópias passivas, mantendo assim a sincronia (Mais sobre como funciona a cópia abaixo).

 

No evento de falha da database DB4 ou do servidor EX2 inteiro, essa database será ativada automaticamente no EX3 ou EX5, conforme podemos ver abaixo, após a falha no EX2, a DB4 foi ativada no EX5. As databases passivas que estavam no EX2 também não são um problema, pois temos a DB5 no servidor EX5 e a DB1 no EX4

 

 

Como essa sincronia é realizada?

 

Quando criamos a DAG e adicionamos as Databases que farão parte da DAG ocorre a replicação inicial via “File Mode” a replicação via File Mode, consiste na cópia de toda a Database e seus arquivos de transação, observe no desenho a seguir:

 

 

Todo arquivo de transação que existe na Database ativa será copiado para os servidores que estão hospedando a Database passiva. Caso surjam arquivos de transação novos durante este processo, estes serão copiados até as bases estarem sincronizadas. Quando as bases estiverem sincronizadas, a cópia será alterada para Block Mode:

 

 

Quando o Block Mode é ativado pela DAG, as informações de transação que estão em memória RAM no servidor com a Database ativa serão copiadas para os servidores com a Database passiva, e cada servidor individualmente gerará o seu arquivo de transação.

 

Como ele efetua a ativação automática?

 

O Exchange possui um serviço chamado Active Manager, ele é responsável por monitorar a saúde dos servidores e das databases, montar/desmontar databases e tomar as decisões de quando ele deve ativar uma database passiva.

Farei um post em um outro momento explicando sobre ele com detalhes, se quiser ler mais.

 

“Mas Leonardo, como os clientes não perdem conectividade durante estas ativações?”

 

Simples meu caro, lembra que o CAS é o responsável pela conexão com os clientes e que os clientes não se conectam diretamente ao Mailbox Server? Voltando ao nosso exemplo lá de cima, o CAS estava mantendo uma conexão com o EX2, como o EX2 falhou, agora o CAS está conectado no EX5, mas a conexão do CAS com o cliente seguia firme e forte.

 

“E rede para tudo isso? Qual a recomendação da Microsoft?”

 

Ótima pergunta! No 2013 a recomendação era uma rede para LAN e uma rede para replicação, agora a recomendação da Microsoft é somente uma rede para LAN e replicação e com as seguintes observações:

 

  • Rede 10Gbps.
  • NIC teaming não é recomendado.

 

Por enquanto é isto, caso tenham dúvidas, deixem um comentário!

Até mais pessoal!

 

Links úteis:

https://technet.microsoft.com/en-us/library/dd979799(v=exchg.150).aspx

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: